fbpx

Mais uma postagem politicamente incorreta pra pra você.

Ambev, Heineken, Coca-Cola e outras empresas se unem e investem R$ 370 milhões para ajudar pequeno varejo

Conteúdo protegido. Quer uma cópia? Comente, compartilhe e me chame no WhatsApp.

O que você imaginar, personalizamos pra você.

Surpreenda no presente de casamento, bodas, aniversários. Clique na imagem e saiba mais no site do fabricante.

Por InfoMoney

Proposta foi homologada na manhã desta quinta-feira pelo Cade e promete ajudar 300 mil comércios no país.


Oito grandes empresas do setor de alimentos e bebidas firmaram uma coalizão para apoiar o pequeno varejo na reabertura do comércio. O movimento denominado “Nós” envolve Ambev, Aurora Alimentos, BRF, Coca-Cola Brasil, Grupo Heineken, Mondelez International, Nestlé e PepsiCo.

O investimento será de mais de R$ 370 milhões e promete beneficiar de cerca de 300 mil pequenos comércios no país.

A proposta foi homologada na manhã desta quinta-feira, 28, pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).PUBLICIDADE

Como adiantado na quarta-feira, 27, pelo Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado), o Cade convocou uma sessão extraordinária para analisar a medida.

As empresas submeteram a proposta ao órgão porque temiam que essa atuação conjunta pudesse ser vista como uma associação irregular pelo órgão.

Dentre as ações propostas pelo movimento estão a renegociação de prazos para o abastecimento dos pequenos comércios, bem como distribuição de kits de higiene e cartilhas para orientar os empreendedores a seguir as novas normas de segurança e saúde.

Serão ao todo quatro frentes: reabertura segura com foco na saúde; reabastecimento facilitado do estoque; fortalecimento da relação entre comércios locais e consumidores; e a divulgação de informações relevantes do mercado.

O Movimento Nós informa ainda que conta com a Bain & Company em sua governança, uma consultoria independente que assegura que não há troca de informações sensíveis e respeita integralmente a legislação vigente antitruste.

COMPARTILHE

5 e-books, 400 págs.

Saiba tudo sobre Vinhos

Quer falar sobre vinhos como um especialista?

De R$ 49,90 por R$ 4,90

Cupom expira em 01/02/2020:

Dias
Horas
Minutos
Segundos
A promoção acabou. Aguarde a próxima.
Shape
Shape

Gostou dessa postagem?

Explore as anteriores.

Não esqueça de deixar sua crítica, sugestão ou dúvida nos comentários. AJUDE O BLOG TORNANDO-SE MEMBRO OU CLICANDO EM UM ANÚNCIO.

12 respostas

    1. É sim. É tendência mundial entre o pessoal que quer melhorar o mundo derrubando o que já está pronto pra construir outro no lugar. Se você achou nojento, você é normal como eu. Como a maioria.

  1. Sem álcool em gel já estaríamos todos mortos, mas parece que algumas pessoas não entendem como é importante ouvir os especialistas.

  2. Para o brandy ser considerado Cognac, necess rio que as uvas tenham sido cultivadas, fermentadas e destiladas na Fran a, mais especificamente na regi o de Charente, ao norte de Bordeaux. l que est localizada a cidade de Cognac, que deu nome bebida.

    1. Não. Errado.
      O Conhaque originou-se na região de Cognac, próxima a costa leste, quando marinheiros franceses, precisando de espaço nos porões dos navios, resolveram destilar o vinho popular produzido ali. Do acondicionamento dessa bebida destilada em barricas de carvalho, surgiu a cor dourada, hoje típica do conhaque. A região não fica em Bordeaux, fica longe, bem ao norte do outro lado do Garona (Garonne).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »
error: Quer uma cópia do artigo? Me peça via WhatsApp. É grátis!