fbpx

Mais uma postagem politicamente incorreta pra pra você.

R$ errado no VIVINO, POR QUE ACONTECE?.

Conteúdo protegido. Quer uma cópia? Comente, compartilhe e me chame no WhatsApp.

O que você imaginar, personalizamos pra você.

Surpreenda no presente de casamento, bodas, aniversários. Clique na imagem e saiba mais no site do fabricante.

O QUE É O VIVINO?

O VIVINO não é só um app de consulta de vinhos, ele é UMA REDE SOCIAL onde você pode adicionar pessoas, fazer amigos, montar confrarias, postar suas notas organolépitcas e suas críticas. Além disso o VIVINO também é um ARQUIVO que guarda todas as suas experiências com vinhos. Há também outras funções mais recentes como COMPRAS, CARTA DE VINHOS, ADICIONAR COMENTÁRIOS (que veio pra deixar o app ‘mais limpo’, já que muita gente colocava comentários onde só tinha espaço pra colocar as notas de degustação.

O app é muito importante na hora de comprar vinhos e se você ainda não o tem instalado, instale agora pra continuar.

COMPRAR DE FORMA INTELIGENTE E PRÁTICA.

Escolher vinhos adequados a uma comemoração, a um momento especial ou simplesmente para o dia a dia não é das tarefas mais fáceis. Exagero meu? No momento em que escrevo estas palavras, a rede social Vivino aponta que há 49.824.363 rótulos em seu banco de dados. Ou seja, se degustarmos um vinho por dia a partir do nosso aniversário de 18 anos, até completarmos 90 anos, teremos experimentado 26.280 vinhos.

Faça as contas. Precisaríamos de cerca de 1.900 vidas para experimentar todos os vinhos e safras do planeta. Portanto, escolher um vinho para a adega ou para acompanhar a refeição não é tarefa fácil.

Por isso, você encontrará nas próximas páginas dicas simples para facilitar a escolha do vinho, sem que seja necessário apelar para rótulos já conhecidos ou clichês. Afinal de contas, com tanto vinho bom por aí, por que degustar sempre os mesmos rótulos?

Compras pelo app. Imagens de VIVINO.COM

LEMBRA COMO ERA ANTES DO VIVINO?

Antes do VIVINO os sommeliers e enófilos mais dedicados usavam planilhas no Excel.
Era trabalhoso, mas era necessário.

O VIVINO trouxe praticidade por um lado e um problemão por outro: a diferença de preço . Vamos entender abaixo.

POR QUE TEM DIFERÊNÇA ENTRE O PREÇO DA GÔNDOLA E O DO VIVINO?

Muitas pessoas cometem o erro de deixar de comprar um vinho porque o preço está muito diferente do apresentado no app. No capítulo 1 do curso GUIA DO COMPRADOR DE VINHOS, no capítulo “Vinhos Exclusivos”, mostro porque há um oceano de diferença entre os preços de supermercados e lojas de vinhos, dos restaurantes, então, se você está num restaurante, deve desconsiderar totalmente o preço no app porque o “mark up” (margem de lucro) dos restaurantes é naturalmente maior e a maioria dos compradores que avaliaram o vinho no app o compraram em supermercados e lojas de vinho. Mas e no supermercado?

Se você está num supermercado e mesmo assim a diferença do vinho é grande, repare que este vinho não é brasileiro. Salvo as devidas exceções aos grandes vinhos e espumantes brasileiros, que já são sucesso de vendas no exterior, os vinhos brasileiros são os que têm o preço mais próximo de realidade. Isso acontece porque o preço médio dos vinhos mercado interno é mais assertivo que os importados e os motivos são: a moeda e os impostos. Os impostos eu explico detalhadamente no curso GUIA DO COMPRADOR DE VINHOS, mas a moeda faz uma grande diferença também.

Outro exemplo.

Por exemplo: Um Cartuxa Reserva custa R$ 450,00 no Brasil e entre € 32 e €40 em Portugal (R$196,00). Aqui vemos a moeda e os impostos em ação. Nos EUA os vinhos de qualquer parte do mundo é vendido mais barato que no país de origem, e os americanos usam bastante o app. Como conseguem vender mais barato? Acordos comerciais. O Chile vende vinhos e cobre (e outros metais nobres) a melhores preços pra lá e importam carros e produtos de tecnologia a preço de banana, por ex., não é a toa que é o país com maior e melhor observatório astronômico do mundo e tem mais alto IDH da América Latina. Países europeus fazem acordos similares.

O VIVINO UTILIZA O PREÇO MÉDIO, EX.: EUROPA R$ 100, NO BRASIL R$200, NO APP INSTALADO NO BRASIL O PREÇO SERÁ R$150,00. Mas enquanto todos os usuários não colocarem o preço no momento do scan, essa média sempre nos induzirá ao erro. Por causa disso, pra ficar mais didático, eu simplifiquei e me baseei nos preços reais em cada país.

Na imagem abaixo vemos o preço do vinho no Brasil.

Cartuxa Reserva. Imagem: adegamais.com.br

Na imagem a baixo o preço no país produtor, Portugal.

Preço Cartuxa Reserva em Portugal. Imagem: garrafeiranacional.com

Com base no Euro de hoje, 03/05/2020:  €$ 5,49, uma garrafa do Cartuxa Reserva pode ser comprado em NY, o lugar mais caro, por R$ 194,88.

Agora o preço nos EUA. Aviso: você vai ficar chateado.
A imagem retirei do site wine-seracher.com

Já nos EUA, mesmo com a desvalorização de nossa moeda, é possível comprar o mesmo vinho mais barato que em relação a Portugal. Isso ocorre porque o dólar é mais barato que o Euro e porque nos EUA não tem SUS, FGTS, FAT, PIS, COFINS, ISS, ICMS, etc., e outros impostos extorsivos que existem no Brasil e Europa. O problema é que são esses preços que aparecem na tela do aplicativo aqui no Brasil em smartphones comprados nos EUA.

Com base no dólar de hoje, 03/05/2020: U$ 5,49, uma garrafa do Cartuxa Reserva pode ser comprado em NY, o lugar mais caro, por R$ 170,19.

Então:

Nos EUA: R$ 170,19;
Em Portugal: R$ 194,88;
No Brasil: 449,90 nas lojas da internet.

Mas olhe o preço no VIVINO hoje:

Bem mais baixo que o preço mas gôndolas e lojas virtuais.

Print do meu smartphone.

MAS PORQUE O VIVINO SEMPRE “ERRA” O PREÇO?

Na verdade o app não erra no preço, ele erra em considerar o PREÇO MÉDIO do vinho no mundo. Isso não gera problemas na Europa ou EUA, porque nesses lugares o PREÇO É BASEADO NA MÉDIA DE CADA UM DELES: Se você consultar nos EUA vai ter o preço médio dos EUA, na Europa acontece o mesmo, já que a moeda é a mesma.

Como expliquiei acima “O VIVINO UTILIZA O PREÇO MÉDIO, EX.: EUROPA ou EUA R$ 100, NO BRASIL R$200, NO APP INSTALADO NO BRASIL O PREÇO SERÁ R$150,00”.

Smartphones comprados no exterior

Mas um problema cada vez mais recorrente no Brasil (o maior problema, na minha opinião) é consultar o vinho aqui com smartphone comprado nos EUA.

O app não ajusta o preço para o país onde está sendo feito o ‘scan’, ele só coloca o ‘R$’ porque o próprio usuário faz essa mudança quando configura o app.

Resultado: preço em dólar com o R$ na frente.

Espero que tenha ajudado a esclarecer essa duvida. Caso ainda tenha dúvidas, pode colocá-la na seção contato. Vou ter satisfação em te ajudar.

Pra saber muito mais sobre o VIVINO, adquira o curso completo GUIA DO COMPRADOR DE VINHOS.
CLIQUE AQUI PARA SABER MAIS.

5 e-books, 400 págs.

Saiba tudo sobre Vinhos

Quer falar sobre vinhos como um especialista?

De R$ 49,90 por R$ 4,90

Cupom expira em 01/02/2020:

Dias
Horas
Minutos
Segundos
A promoção acabou. Aguarde a próxima.
Shape
Shape

Gostou dessa postagem?

Explore as anteriores.

Não esqueça de deixar sua crítica, sugestão ou dúvida nos comentários. AJUDE O BLOG TORNANDO-SE MEMBRO OU CLICANDO EM UM ANÚNCIO.

12 respostas

    1. É sim. É tendência mundial entre o pessoal que quer melhorar o mundo derrubando o que já está pronto pra construir outro no lugar. Se você achou nojento, você é normal como eu. Como a maioria.

  1. Sem álcool em gel já estaríamos todos mortos, mas parece que algumas pessoas não entendem como é importante ouvir os especialistas.

  2. Para o brandy ser considerado Cognac, necess rio que as uvas tenham sido cultivadas, fermentadas e destiladas na Fran a, mais especificamente na regi o de Charente, ao norte de Bordeaux. l que est localizada a cidade de Cognac, que deu nome bebida.

    1. Não. Errado.
      O Conhaque originou-se na região de Cognac, próxima a costa leste, quando marinheiros franceses, precisando de espaço nos porões dos navios, resolveram destilar o vinho popular produzido ali. Do acondicionamento dessa bebida destilada em barricas de carvalho, surgiu a cor dourada, hoje típica do conhaque. A região não fica em Bordeaux, fica longe, bem ao norte do outro lado do Garona (Garonne).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »
error: Quer uma cópia do artigo? Me peça via WhatsApp. É grátis!