fbpx

Mais uma postagem politicamente incorreta pra pra você.

Como são feitos os vinhos orgânicos? Lista atualizada 2020.

Como são feitos e como escolher os VINHOS VEGANOS?

Conteúdo protegido. Quer uma cópia? Comente, compartilhe e me chame no WhatsApp.

O que você imaginar, personalizamos pra você.

Surpreenda no presente de casamento, bodas, aniversários. Clique na imagem e saiba mais no site do fabricante.

O que são os vinhos veganos?

Vinhos veganos são os que não foram clarificados com proteína animal, ou seja, com gelatina, clara de ovos ou sangue (sim, sangue) e sim com colas vegetais ou minerais. Pra ficar mais claro eu vou explicar mais detalhadamente no final da postagem.

Os vinhos veganos vendidos no Brasil: lista atualizada – 2020.

Todos os vinhos destes produtores são veganos.
Veja os links dos sites oficiais no final da postagem.

Vinícola Perini
Vinícola Boutique Lidio Carraro
Vinícola Dom Cândido
Adega Chesini
Vinhos Lerentis
Família Tasca – Decio Tasca
Vinícola Miolo
Marco Luigi Vinhos Finos
Lidio Carraro Vinhedos & Vinhos Finos
Cereser
Vinhos Canção
Boscato Vinhos Finos
Vinícola Campo Largo
Marques da Casa Concha
Casillero Del Diablo (apenas os tintos)

Produtores que estão mudando seus processos de clarificação para tornar seus vinhos veganos em breve:

Salton
Vallontano Vinhos Nobres LTDA
Vinícola Courmayeur
Vinícola Garibaldi
Vinícola Aurora
Chandon
Vinícola Aliança
Peterlongo
Vinícola Campestre
Cantina da Serra
Sulvin Ind. e Com. De Vinhos Ltda
Vinibrasil
Concha Y Toro e vinícolas associadas, exceto Marques da Casa Concha e Casillero Del Diablo TINTO.


Como é feita a clarificação dos vinhos?

Ao sair da cuba de fermentação, o vinho está truvo porque contém matérias sólidas em suspensão: leveduras, sais minerais, microorganismos diversos, etc..

Tudo isso precipita pro fundo da cuba de estabilização, mas os microorganismos morrem e causam suspensão e maus odores, por isso a clarificação é tão necessária: para separar e retirar tudo que possa turvar ou prejudicar o vinho.

Tornar o vinho mais claro e límpido é o objetivo.

A transparência da cor é o objetivo, mesmo que uma pequena quantidade de sedimento venha a aparecer na garrafa com o tempo, de forma natural.

Há três formas de clarificar os vinhos: filtragem mecânica, colagem e trafega (transferir o vinho de um recipiente para outro descartando o material decantado no fundo).

Colagem.

A colagem é a adição de um produto mais pesado que a água e o álcool que tem efeito coagulante ao entrar em contato com os taninos e a acidez do vinho. Este produto é chamado de COLA, daí o nome do processo.

O enólogo tem que ter a “mão leve” na hora de aplicar a cola para não prejudicar a cor e o corpo do vinho.

Há muito tempo tem se utilizado produtos naturais como leite, clara de ovo e sangue, hoje utilizam albuminas, caseína ou gelatinas.

Vinhos veganos podem ser feitos por esse processo se utilizados colas minerais como bentonita, caolin, dióxido de silício, etc., ou vegetais como o alginato de sódio, tanino enológico, carbono ativo, agar-agar, etc..

Eu vou explicar pra você não ter mais dúvidas:

  • Gelatina Animal: Feito a partir de ossos e peles de animais. Ajuda o processo da criação do vinho ficar mais rápido, sendo assim barateia a produção. Uma das mais usadas na fabricação do vinho branco. Esta prática é permitida no Mercosul.
  • Albumina do ovo: Usado para “colar” o vinho, retirando partículas finas e deixando o vinho mais limpo. Neste caso o vinho é apto para vegetarianos e não para veganos.
  • Albumina de Sangue Animal: Usado para da mesma forma do que o ovo, mas esta prática é mais rara de se ver. Já que é proibida na Europa e Estados Unidos, mas é permitido no Mercosul.
  • Caseína do leite: Neste caso o vinho é apto para vegetarianos e não para veganos. Esta prática é proibida na Europa mas é permitido no Mercosul.
  • Cola de peixe: Também utilizado como uma “cola”, mas é retirado a partir do derretimento de pele e ossos do peixe. Dessa forma não é apto para vegetarianos nem veganos. Em alguns lugares, como a Nova Zelândia, é obrigatório informar no rótulo que foi utilizado peixe na fabricação do vinho.

Caso queira saber todos o processo com detalhes técnicos, baixe esse arquivo PDF.


Filtração

filtracao-vinho

A filtração é outro método bem utilizado para fazer vinhos veganos, ela também serve para deixar o vinho limpo e brilhante ao consumidor. Várias tecnologias de filtração permitem uma grande flexibilidade aos enólogos para elaborar vinhos estáveis de diferentes estilos.

Ela consiste em reter partículas com a ajuda de uma capa filtrante com poros muito finos consistente em uma tela porosa, através da qual o vinho passa. A filtração de um vinho é uma das alternativas mais utilizadas para acelerar a clarificação e estabilização dos vinhos. A centrifugação é usada em bodegas que elaboram grandes volumes de vinho, devido ao custo.

Filtração estéril utiliza filtros de microporos para eliminar as células de levedura, que evitam a fermentação adicional. Antes dessa descoberta moderna, os vinhos ligeiramente doces estavam em perigo pela chance de possibilidade de fermentação reativa na garrafa.


Transfega.

Todas as vinícolas fazem o processo de clarificação existem alguns rótulos em que o processo não é feito: fazem a transfega. Esse método não interfere na cor e no teor alcoólico (corpo). Um vinho Gran Reserva com 14% ou mais de graduação alcoólica foi clarificado assim.

Links:

A

B

  • Barahonda Barrica Monastrell Syrah – Barahonda (Espanha)

C

D

M

P

R

S

Q

Vinícolas


Anúncios.

5 e-books, 400 págs.

Saiba tudo sobre Vinhos

Quer falar sobre vinhos como um especialista?

De R$ 49,90 por R$ 4,90

Cupom expira em 01/02/2020:

Dias
Horas
Minutos
Segundos
A promoção acabou. Aguarde a próxima.
Shape
Shape

Gostou dessa postagem?

Explore as anteriores.

Não esqueça de deixar sua crítica, sugestão ou dúvida nos comentários. AJUDE O BLOG TORNANDO-SE MEMBRO OU CLICANDO EM UM ANÚNCIO.

12 respostas

    1. É sim. É tendência mundial entre o pessoal que quer melhorar o mundo derrubando o que já está pronto pra construir outro no lugar. Se você achou nojento, você é normal como eu. Como a maioria.

  1. Sem álcool em gel já estaríamos todos mortos, mas parece que algumas pessoas não entendem como é importante ouvir os especialistas.

  2. Para o brandy ser considerado Cognac, necess rio que as uvas tenham sido cultivadas, fermentadas e destiladas na Fran a, mais especificamente na regi o de Charente, ao norte de Bordeaux. l que est localizada a cidade de Cognac, que deu nome bebida.

    1. Não. Errado.
      O Conhaque originou-se na região de Cognac, próxima a costa leste, quando marinheiros franceses, precisando de espaço nos porões dos navios, resolveram destilar o vinho popular produzido ali. Do acondicionamento dessa bebida destilada em barricas de carvalho, surgiu a cor dourada, hoje típica do conhaque. A região não fica em Bordeaux, fica longe, bem ao norte do outro lado do Garona (Garonne).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »
error: Quer uma cópia do artigo? Me peça via WhatsApp. É grátis!